Diretor do Atlético-GO revela ”chapéu” no Grêmio por Walter

0

Anunciado pelo Atlético-GO na última terça-feira, o atacante Walter, revelado pelo Internacional teve uma oferta para voltar ao Rio Grande do Sul. A revelação foi feita por Adson Batista, diretor de futebol do clube goiano, segundo ele o empresário do jogador recebeu uma ligação do Grêmio, que estava interessado na contratação.

Ciente dos interesse dos gremistas a diretoria do Atlético-GO agiu rápido para acerta com o atacante de 27 anos e contou ainda com o desejo dele de permanecer em Goiânia. Após isso o clube goiano apenas esperou a chegada da documentação vinda do Porto, de Portugal, o qual Walter ainda tem vínculo e foi emprestado ao Dragão até o final desse ano.

Como Walter já atuou pelo Goiás no Campeonato Goiano e na Copa do Brasil, o atacante só poderá defender o Atlético-GO na disputa da Série A do Brasileirão, que inicia em maio. O dirigente do Dragão está confiante de que jogador e comissão técnica vão aproveitar o tempo disponível até o início da competição para que o atleta melhore seu condicionamento.

Nesta atual temporada Walter disputou apenas seis jogos pelo Goiás, o principal motivo foi estar bem acima do peso. Segundo Sérgio Rassi, presidente esmeraldino, o jogador está atualmente com cerca de 106 kg e no clube chegou a fazer tratamento com um especialista em obesidade, no entanto a condição física do atacante não foi o motivo para sua saída.

Walter agrediu o goleiro reserva Matheus com uma cotovelada em um treino 24 de fevereiro e logo após havia sido afastado do elenco. Após apurar o episódio, a diretoria esmeraldina optou por rescindir o contrato em acordo com o próprio atacante, que é considerado o maior ídolo recente da história do Goiás, agora a expectativa do jogador e dar a volta por cima e voltar a jogar em alto nível e fazer história agora no rival Atlético-GO.

Deixe seu comentário
SHARE