Oito seleções já se garantiram na Copa do Mundo, outras estão quase lá

0

A Copa do Mundo na Rússia 2018 está em contagem regressiva e oito seleções já estão garantidas para embarcar rumo à maior competição do futebol. Além do país sede que já tem a vaga garantida, Bélgica, Irã, Coreia do Sul, Japão, Arábia Saudita, México e Brasil já estão com as malas prontas para o torneio depois de conseguirem as classificações.

Com mais quatro rodadas restantes, duas delas pela fase de repescagem, as eliminatórias se encaminham para se finalizar e decidir que serão as outras seleções que estarão no Mundial da Rússia. A briga segue intensa e muita gente segue sonhando com as vagas restantes, lembrando que são 24 vagas ainda em jogo e haverá muita disputa em campo.

Seleções tradicionais como Argentina e a Holanda correm sérios riscos de assistir à Copa do Mundo na Rússia 2018 apenas pela televisão. Bicampeão da Copa América o Chile está em uma situação ainda pior. Enquanto isso pode acontecer algumas surpresas, Islândia, Peru, Burkina Faso e até a Síria vem chegando fortes na reta final nas eliminatórias do mundial.

Na Europa são nove grupos e a briga está totalmente indefinida, até agora somente a Bélgica está oficialmente classificada, mesmo que Alemanha, Sérvia, Inglaterra e Espanha tem suas vagas encaminhadas. Polônia e França tem condições favoráveis. A briga pelas vagas nos Grupos B e I prometem agitar os suíços, portugueses, croatas e islandeses.

Na América do Sul a briga está feia, com o Brasil já classificado, o Uruguai está em melhor condição para também garantir uma vaga, no entanto a distância para a Argentina que está na quinta colocação é de apenas três pontos. Do Equador para cima, todo mundo tem chance de chegar à Copa do Mundo formando assim um grande universo de possibilidades.

Na América Central e do Norte o México já fez o um bom serviço e se garantiu na rodada anterior. A Costa Rica está a um passo de também se qualificar antecipadamente, o que deixa restando apenas mais uma vaga para a classificação provável, Panamá, Honduras e EUA brigam pela vaga, o quarto colocado enfrenta o vencedor da repescagem asiática.

Na Ásia Irã, Coreia do Sul, Japão e Arábia Saudita já garantiram suas vagas, mas aqui a protagonista é a Síria, sendo país em guerra que em 2014 ocupava a 151ª posição no ranking da Fifa merece destaque quando consegue uma classificação para a repescagem continental, passando encara EUA, Panamá ou Honduras por uma vaga na Copa do Mundo.

Na Afríca seleções como Nigéria e Tunísia rtem uma situação mais favorável na corrida sobretudo a primeira delas. A Super-Águias recebem a vice Zâmbia na próxima rodada e se garantem no mundial da Rússia com uma vitória simples, já os outros três grupos estão bem mais embolados com Egito com grandes chances e com Camarões já eliminada.

As eliminatórias na Oceania é considerada uma competição de tiro curto, com apenas seis países na disputa e já acabou. A Nova Zelândia foi a grande vencedora ao bater as Ilhas Salomão na final por 6 a 1 no jogo de ida e empate em 2 a 2 no da volta, no entanto para chegar até a Copa do Mundo vão precisar enfrentar o quinto colocado da América do Sul, se terminasse do jeito que está seria á Argentina.
Deixe seu comentário
SHARE