Apesar da boa fase no Atlético-MG, Pratto deve trocar de clube em 2017

O atacante argentino Lucas Pratto está recuperando a boa fase no Atlético-MG, e no último domingo marcou um dos gols do empate em 2 a 2 com o Flamengo. Maior artilheiro estrangeiro em toda história do Galo, o jogador já contabiliza seis gols nas últimas dez partidas e está a um compromisso de completar seu centésimo jogo pelo clube.

No entanto nem toda sua história no Atlético-MG pode fazer com que ele fique em Belo Horizonte em 2017. Apesar do contrato válido até o fim de 2018, o Galo não esconde que pode negociá-lo na próxima janela de transferências para equilibrar as finanças do clube e também aliviar a folha salarial, o possível destino é o futebol europeu.

A necessidade do Atlético-MG em ganhar dinheiro vendendo Lucas Pratto não começou por causa da chegada de Fred, e sim pelo fato do clube precisar fazer caixa para não passar apertos em 2017. No início deste ano, o argentino foi o jogador do Galo que foi mais assediado no mercado da bola e foi colocado na lista de negociáveis em caso de uma oferta à altura.

No inicio do ano as propostas até chegaram, principalmente vindo do mercado chinês, no entanto o Galo conseguiu fazer um bom caixa com a venda do zagueiro Jemerson e assim Lucas Pratto acabou ficando. Meses depois, o futebol espanhol também se interessou pelo argentino, no entanto os valores foram considerados muito abaixo do planejado pelo atacante.

Contratado pelo Galo em 2015 junto ao Vélez Sársfield, Lucas Pratto marcou gols importantes e logo em seu inicio no clube foi o principal nome da virada contra o Cruzeiro que eliminou o rival do campeonato estadual, semanas depois vencido pelo Atlético-MG. Já neste ano, foi dele o gol diante do Racing, que classificou a equipe mineira para as quartas de final da Copa Libertadores.

 

Foto: Divulgação

Deixe seu comentário

Lucas Silva

Goiano, 30 anos, criador do Mercado da Bola, se dedica a escrever e comentar sobre algo que ama, que é o futebol.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo