Sem renovar com o PSG, Di Maria cogita vir para o futebol brasileiro

A novidade agita os dirigentes brasileiros é a informação de que o PSG não pretende renovar com o argentino Di Maria para a próxima temporada. Quando a abertura da janela europeia se aproxima, os clubes do Brasil começam a analisar a situação contratual dos principais nomes do velho continente, em busca de reforços impactantes.

Isso fez com que os clubes mais ricos do Brasil sonhassem com o jogador. Nas redes sociais, Corinthians, Atlético-MG, Palmeiras e Flamengo seguiram o craque e sinalizam que estão com as portas abertas para o jogador, caso ele deseje voltar para o futebol sul-americano. Apesar de não renovar com o PSG, sonhar com o Di Maria ainda é muito complicado.


Bônus até R$150 grátis
Clique aqui

Bônus até R$6.000 grátis
Clique aqui


Bônus até R$100 grátis
Clique aqui

O jogador ganha um salário que foge da realidade dos clubes brasileiros. Ele com certeza teria que aceitar uma redução gigantesca em seu rendimento para assinar por aqui. Outro ponto que dificulta é o fato de que o ponta ainda tem mercado na Europa e deve receber muitas propostas de clubes influentes nos mercados mais ricos do futebol mundial.

Portanto, um negócio desse tipo só poderia acontecer caso Di Maria estivesse com muita vontade de jogar na América Latina e disposto a aceitar uma redução salarial gigantesca. Foram cinco anos no PSG, e nesse período o jogador recebeu um salário mensal de 1,1 milhão de euros, o que equivale a quase R$ 6,5 milhões, sendo um valor alto e por isso o jogador teria que diminuir consideralmente esses valores para jogar no Brasil.

O Galo fez uma sondagem por Di María recentemente

Mesmo que o Atlético-MG, que demonstrou grande interesse, esteja em um bom momento financeiro e com disposição a gastar, uma contratação nesse nível explodiria completamente a folha mensal do clube. Porém, a qualidade do jogador de 33 anos é tão grande que vale a iniciativa de iniciar um contato com o atleta. Mesmo que ele não venha no Brasil neste momento, é muito possível que ele jogue no Brasil antes de se aposentar.

Deixe seu comentário
Botão Voltar ao topo