Após Wilshere, Fortaleza volta a negociar com alemão Lukas Podolski

Em 2021, o Fortaleza terá uma temporada histórica, com a primeira participação da Copa Libertadores na história do clube. E por isso, está no mercado em busca de reforços contundentes e experientes, que possam qualificar o elenco. O nome do polonês, naturalizado alemão, Lukas Podolski, voltou ao radar do clube. Durante a temporada de 2021 houve uma tratativa inicial, mas o jogador decidiu voltar para a Polônia, para defender o Górnik Zabrze.

Com a vaga na Libertadores garantida, os dirigentes do clube querem apresentar uma proposta irrecusável para o atacante de 36 anos. Acredita-se que trazer um estrangeiro de alto nível poderia ajudar muito na construção do elenco para a disputa da maior competição da América, e ser o líder desse projeto poderia atrair o atacante alemão.

O nome de Lukas Podolski sinaliza o sonho do Fortaleza em contar com um jogador com experiência e muita rodagem no futebol europeu, e que possa adicionar muito conhecimento tático e técnico para o vestiário do Leão. O jogador foi um dos mais importantes do futebol alemão na década passada e passou por clubes como o Bayern de Munique e o Arsenal.

Além disso, Lucas Podolski teve uma passagem muito vitoriosa pela seleção alemã. Em 2014, Podolski ficou marcado por ter aproveitado o Brasil e ter tido uma relação muito positiva com o nordeste brasileiro, durante a Copa do Mundo daquele ano. Essa história foi concluída com o título histórico dos alemães em solo brasileiro. Esse é mais um fator determinante para o interesse do Fortaleza neste jogador.

Fortaleza também monitora Wilshere e Demba Bá

Um campeão do mundo é considerado mais do que capaz de entregar em campo para a disputa da Libertadores, e a diretoria do Leão quer fazer essa aposta. O empecilho pode ser seu vínculo na Polônia. O jogador chegou no meio de 2021 e possivelmente queira terminar a temporada no Górnik Zabrze. Por isso, o Fortaleza trabalha com outros nomes, como Demba Bá e Wilshere, em busca de um reforço com experiência no futebol europeu.

Deixe seu comentário
Botão Voltar ao topo