Com Saravia de saída, Internacional pode ir atrás de Daniel Alves

De olho na temporada 2022 e com a eminente saída de Renzo Saravia, o Internacional vê Daniel Alves como uma boa opção para a próxima temporada. No Brasileirão o Colorado está a um passo de conseguir a classificação direta para a fase de grupos da Copa Libertadores da América, e vê a necessidade de buscar reforços para repor saídas e também para posições carentes do elenco.

Nos últimas dias houve no Inter saídas confirmadas, o primeiro foi o atacante peruano Paolo Guerrero, que teve seu contrato rescindido e deve retornar ao Alianza Lima, do Peru, clube que o revelou. Agora o Porto avisou que não vai emprestar novamente o lateral-direito Renzo Saravia e quer apenas vendê-lo, o Internacional sinalizou que não vai conseguir realizar a compra.

O Porto pede 8 milhões de euros, algo em torno dos R$ 59 milhões por Saravia, valor que o deixa longe de uma permanência no Beira Rio. Tem ainda a situação do também lateral-direito Heitor, que em tese seria o titular na próxima temporada, mas vem chamando a atenção de clubes europeus e pode ser negociado pelo Colorado na janela de transferências de janeiro.

Com a saída já certa de Saravia e a possível de Heitor, o Inter teria que ir atrás de pelo menos dois reforços para a lateral-direita, e um nome que agrada é do experiente Daniel Alves, de 38 anos, que estava no São Paulo e está atualmente livre no mercado. Vale lembrar que logo após a rescisão do jogador com o Tricolor, o Inter foi um dos possíveis interessados no campeão olímpico, mas ele preferiu ficar sem clube até o fim dessa temporada.

Daniel Alves pode ficar no Brasil de olho na Copa do Mundo

Com a possível perda de dois jogadores da lateral-direita, Gabriel Mercado que é zagueiro de oficio, pode atuar também na posição, mas um jogador de origem do setor precisaria chegar para ser o titular, e Daniel Alves pode ser uma ótima opção, claro se a comissão técnica conseguir extrair o melhor do jogador que foi multi-campeão na Europa. O jogador pretende disputar a Copa do Mundo do Qatar e ficar por aqui seria o caminho para isso.

Deixe seu comentário

Lucas Telles

Goiano, 24 anos, comentarista esportivo e colunista do Mercado da Bola, se dedica a escrever sobre algo que já praticou que é o Futebol.
Botão Voltar ao topo