Sem renovar com Grêmio, Kannemann vira alvo de Santos e São Paulo

Com negociação renovação com o Grêmio travada, Walter Kannemann entrou na mira de Santos e São Paulo para a próxima temporada de 2023. O zagueiro argentino vem despertando o interesse de equipes do futebol brasileiro, e nos últimos dias os dois clubes paulistas buscaram compreender a situação do defensor, para saber valores solicitados e tempo de contrato exigido para um eventual acordo.

Primeiro a demonstrar interesse, o Santos até confirmou as consultas por Kannemann, mas se assustou com os valores exigidos pelo jogador para renovar com o Grêmio. O São Paulo, por outro lado, não confirmou interesse, mas nos bastidores se mantém atento a situação do zagueiro argentino, e pode sinalizar com uma proposta nas próximas semanas.

O São Paulo está em busca de um novo zagueiro em meio a saída do veterano Miranda, que em final de vínculo está de saída do clube paulista, após passar maior parte da temporada na reserva, deve ir para o Coritiba, clube onde foi revelado. O Santos, por sua vez, busca um zagueiro com renome no mercado e planeja uma time forte para 2023.

Em negociações para renovar com o Grêmio nas últimas semanas, Kannemann recusou a proposta enviada pela diretoria do clube gaúcho, e isso vem movimentando o mercado, visto que é considerado bem provável que o jogador não chegue a um acordo e deixe o time rumo á outro equipe na próxima temporada. O zagueiro espera manter os atuais vencimentos salarios, além de um contrato válido por quatro temporadas.

O Grêmio tenta reduzir os salários de Kannemann

Como argumento para sua proposta com salários mentros que os atuais, o Grêmio alega que Kannemann teve uma queda física em relação as temporas anteriores, nas quais teve grande destaque pelo time. Por exemplo na última renovação, em 2018, o zagueiro atuava em pelo menos 75% das partidas na temporada. Essa média, no entanto, caiu para menos de 50% de jogos nas duas últimas temporadas do argentino pelo Tricolor Gaúcho.

Deixe seu comentário
Botão Voltar ao topo