Vasco acerta compra do goleiro Léo Jardim, do Lille, por R$ 11 milhões

O Lille aceitou a proposta do Vasco pelo goleiro Léo Jardim, o valor da transferência seria de de 2 milhões de euros, algo em torno dos R$ 11 milhões. O jogador de 27 anos de posição goleiro planeja viajar para o Rio de Janeiro nesta semana para passar por exames médicos e assinar um contrato válido por três anos com um clube carioca.

Léo já foi liberado pelo Lille e se despediu dos colegas de time na manhã de hoje (terça-feira). O goleiro estava no clube francês desde 2019, tendo passado por um empréstimo ao Boavista, de Portugal, no meio do período. No Brasil o arqueiro tem passagem pelo Grêmio, clube que o revelou para o futebol e o negociou ainda jovem para á Europa.

A negociação com o Lille foi rápida e realizada à distância, já que o diretor-esportivo Paulo Bracks e o CEO Luiz Mello estavam na Flórida, nos Estados Unidos, com a delegação do Vasco até dois dias atrás. O agente de Léo Jardim foi até á França e finalizou a negociação, os franceses acabaram cedendo devido a proposta de compra vascaína.

O Vasco conseguiu com mais facilidade negociar com Léo Jardim, pois ele atualmente é o goleiro reserva do time comandado pelo treinador português Paulo Fonseca. O goleiro brasileiro não jogou desde 4 de setembro do ano passado, quando jogou na vitória de 3 a 1 contra o Montpellier, no campeonato francês. No domingo, ele ficou no banco de reservas em uma partida da Copa da França.

Projeto do Vasco acabou atraindo e agradando Léo Jardim

A falta de oportunidades e a perspectiva de não recuperá-las fizeram o jogador buscar novos horizontes. Anteriormente, ele queria permanecer na Europa, mas devido ao crescimento do futebol brasileiro, com a chegada de investidores estrangeiros e a possibilidade da criação de uma liga, o Vasco foi visto com bons olhos. Além disso, o fato de ter um filho pequeno e de ter passado cinco anos longe do Brasil também influenciaram na decisão de retornar.

 

 

Deixe seu comentário
Botão Voltar ao topo