Atlético-MG cogita tentar tirar o atacante Marinho do Santos

0

O Atlético-MG monitora reforços para a temporada que começa em março e Marinho é um dos alvos analisados atualmente pela diretoria. Com grande destaque na temporada pelo Santos, o atacante seria um pedido do técnico Jorge Sampaoli, com quem o jogador tem uma boa relação, aliás o nome do atleta deve ser bastante comentado no mercado da bola.

Ciente das dificuldades financeiras do clube paulista, o Atlético-MG estaria preparando uma proposta por Marinho, para convencer o Santos da negociação. Mas as conversas só devem ser oficializadas depois da final da Copa Libertadores, visto que no momento o Peixe não aceitará conversar sobre a venda do maior destaque da equipe nessa atual temporada.

Jorge Sampaoli teria telefonado para o atacante em agosto de 2020 e perguntado Marinho sobre a possibilidade de transferência. O jogador teria dito ao técnico que apesar de não cogitar sair naquele momento, deixou a porta aberta para uma possível acerto no futuro com o Galo, e isso pode acontecer nessa próxima temporada em caso de boa proposta.

Apesar de estar forte na briga pelo título do Brasileirão, o Galo já está de olho em reforçar seu elenco para a próxima temporada, que se inicia em Março próximo. A diretoria tem o discurso que vai buscar reforços que cheguem para ser titulares e não ser apenas para ser opção no elenco, Marinho é um dos nomes preferidos, o Atlético-MG pode preparar uma proposta que balance o Santos, a ponto dos paulistas poderem topar o negócio.

A boa relação de Marinho com Sampaoli pode ajudar no negócio

Um fato pode ajudar na eventual negociação, a relação de Jorge Sampaoli com Marinho é considerado como principal trunfo do Atlético Mineiro para fechar a contratação. A situação financeira do Santos também é outro fator que pode facilitar o negócio, mas existe uma certeza no Galo de concorrência forte, principalmente do futebol árabe, o atacante deve receber boas propostas de lá após o fim do Brasileirão, devido seu destaque no Peixe.

Deixe seu comentário