Botafogo encaminha acerto com Nicolás Blandi, do San Lorenzo

0

O Botafogo encaminhou um acerto com o atacante Nicolás Blandi, do San Lorenzo, que pode chegar por empréstimo ao clube carioca. Mesmo com problemas financeiros, o Bota foi ao mercado para repor urgentemente a saída de Erik, que foi para o futebol japonês, a ideia é trazer um centroavante com qualidade para chegar ao Glorioso e log ser titular.

O técnico Eduardo Barroca disse em entrevista coletiva depois do clássico com o Flamengo que o Botafogo estava tentando trazer um atacante. O alvo é Nicolás Blandi de 29 anos, a proposta seria de uma empréstimo até o final de 2020, com opção de compra com valor fixado ao final do vínculo, os argentinos analisam e estão cogitando liberar o centroavante.

O Glorioso confirma nos bastidores o interesse no jogador e tenta concretizar até o final do dia o negócio. Vale ressaltar que janela de transferências internacionais fecha em nesta quarta-feira aqui no futebol brasileiro e após isso só será possível buscar jogadores dentro no mercado nacional ou que estejam livres de contrato, por isso o Botafogo tem pressa.

Nicolás Blandi disputou 21 partidas na última temporada, marcou 10 gols pelo San Lorenzo. No último sábado pelo Campeonato Argentino o atacante de 29 anos que é reserva entrou no segundo e marcou o gol da vitória por 3 a 2 sobre o Godoy Cruz, marcado de pênalti, o jogador já foi especulado por diversas vezes no futebol brasileiro, principalmente no Santos e nunca escondeu a pessoas próxima que tem interesse em jogar no Brasil.

Diretoria do Botafogo vê Blandi como solução para o ataque

Na temporada o clube tem enfrentando problemas no ataque. Diego Souza chegou com a expectativa de ser o artilheiro da equipe, mais ainda não engrenou, aliás nos últimos jogos ele começou a atuar mais recuado no setor ofensivo. Na última semana o Glorioso perdeu o atacante Erik, que pertencia ao Palmeiras e foi para o Yokohama Marinos, do Japão. Com isso o Botafogo vê a necessidade urgente de um novo reforço e corre contra o tempo.

Deixe seu comentário