Insatisfeito no Santos, Carlos Sánchez volta ao radar do Grêmio

0

Insatisfeito no Santos devido a considerável redução de salários, o meia Carlos Sánchez está novamente na mira do Grêmio para a sequencia da temporada. O futebol brasileiro continua parado devido ao COVID-19, e com isso o Tricolor Gaúcho vê como próximo o retorno das competições e vem monitorando o mercado em busca de reforços pontuais.

Mesmo assim, o Grêmio quer aproveitar essa situação e investir em um desejo antigo do treinador Renato Gaúcho e do presidente Romildo Bolzan Júnior. Carlos Sánchez, que vem sendo destaque do Santos,o meia de 35 anos, foi um dos grandes destaques do peixa na última temporada do brasileirão no qual o clube paulista terminou como vice-campeão.

Vale lembrar que uruguaio ainda tem valores a receber da equipe santista até o final deste mês.  E com isso caso essa quantia não seja quitada por parte da equipe paulista, o tricolor gaúcho, que já acenou uma proposta mais vantajosa ao jogador uruguaio através do estafe do atleta, pode acabar tirando um dos principais jogadores da equipe da Vila Belmiro.

Segundo o jornalista César Cidade Dias, há uma nova estratégia por parte do Grêmio para contar com Carlos Sánchez. Com um possível retorno do futebol se aproximando, é bem claro que o mercado da bola começou a se movimentar e, sem dinheiro na maioria dos clubes, o Grêmio pode propor trocas para facilitar a negociação, como é caso do Tricolor gaúcho que pode oferecer jogadores ao Santos pelo uruguaio.

O Grêmio já definiu os jogadores que serão oferecidos ao Santos

As peças que podem estar envolvidas em uma possível negociação com o uruguaio, são o meio-campista Darlan e também o atacante Luciano. Junto com o rival Inter, o Grêmio foi o primeiro clube a voltar a treinar no Brasil e montou protocolos que serão utilizados como exemplo para o restante das equipes do país. Agora, o presidente do Tricolor, Romildo Bolzan Júnior, também acredita que o Campeonato Gaúcho vá servir como um “laboratório” para todas as competições futuras.

Deixe seu comentário