Ex-PSG, uruguaio Cristián Rodríguez é oferecido a Cruzeiro e Vasco

O atacante uruguaio Cristián Rodríguez quer atuar no futebol brasileiro e foi oferecido a Cruzeiro e Vasco, que analisam sua contratação. O centroavante, de 35 anos, rescindiu recentemente com o Peñarol, do Uruguai, onde disputou 193 partidas e marcou 46 gols, com três títulos nacionais, e foi um dos principais jogadores do time nos últimos anos.

O principal motivo para a saída foi a dificuldade do Peñarol em continuar pagando os altos salários de Cristián Rodríguez, cerca de 60 mil dólares, algo em torno dos R$ 400 mil por mês, o clube uruguaio passa por dificuldades financeiras. Cristián Rodríguez sinalizou que está disposto a fechar por um valor bem abaixo disso para jogar no futebol brasileiro.

Cruzeiro e Vasco analisam a contratação, e se animaram com o fato de que o atacante já disso que aceita se adequar ao teto salarial estabelecidos pelos dois clubes para atuar no futebol brasileiro. Com boa experiência, Cristián Rodríguez é visto como bom nome para a disputa da Serie B, e uma disputa entre as duas equipes pela contratação pode acontecer.

Revelado pelo Peñarol, Cristián Rodríguez vestiu as camisas Paris Saint-Germain, Porto, Atlético de Madrid, Parma, Grêmio e Independiente, antes de retornar ao futebol uruguaio. A passagem pelo Brasil defendendo o Tricolor gaúcho foi rápida, após chegar ao clube como grande contratação em 2015 jogou apenas duas partidas, atrapalhado por algumas lesões que fizeram com que o contrato do atacante em comum acordo fosse rescindido.

Cristián Rodríguez também disputou Copas do Mundo em sua carreira, estando presente na Copa no Brasil em 2014 e na Rússia, em 2018, com a camisa da Seleção do Uruguai. Em 2011 foi campeão da Copa América em uma forte equipe que tinha Edinson Cavani, Diego Forlán, Loco Abreu e Luís Suárez. O centroavante disputou 110 partidas pela celeste e foi responsável por 11 gols. Agora ele quer uma passagem diferente no futebol brasileiro.

Deixe seu comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo