Flamengo abre negociações com o lateral argentino Alex Vigo

0

O Flamengo entrou na disputa com a Fiorentina por Alex Vigo e já iniciou as conversas pela contratação do lateral-direito do Colón, da Argentina. O empresário do jogador, Gustavo Ghezzi, procurado confirmou que recebeu contatos de dirigentes do Rubro-Negro, e disse que há grande possibilidade de um acordo, o Palmeiras também já teve interesse no atleta.

Alex Vigo, de 21 anos, é destaque do Colón desde a temporada passada e seu contrato vai até 2023, mas o valor de sua multa rescisória é considerado baixo e viável. O argentino é visto como grande promessa e já foi monitorado além do Flamengo, também por Palmeiras e River Plate, além de clubes do futebol europeu como recentemente a Fiorentina, da Itália.

O Flamengo sempre que disputa uma contratação vem mostrando força, e não é diferente com Alex Vigo, que teria se animado com os contatos rubro-negros. O Fla vem analisando a possível contratação do jovem lateral, e o valor de dois milhões de euros para tirá-lo do Colón estaria dentro do orçamento, o lateral custaria algo em torno dos R$ 12 milhões.

O empresário do jogador revelou ainda que, apesar das especulações de um acordo com a Fiorentina, da Itália, não há nada acertado e isso deixa o Flamengo firme na disputa. Com a carreira profissional tendo começado no ano passado, Alex Vigo soma até aqui 32 jogos e duas assistências, o jogador tem várias características de destaque, tem boa marcação, e isso chamou a atenção da diretoria do Fla, que consultará a nova comissão técnica.

A diretoria do Flamengo também tem outros laterais na mira

Recentemente o Flamengo teve outros nomes especulados, como o de Marcelo Herrera e Bustos, também argentinos, o motivo é que o clube procura um reserva para Rafinha que esteja á altura do titular. Mesmo com o elenco considerado o melhor do futebol brasileiro, a diretoria rubro-negra não perde o foco em novas contratações, mas a partir de agora alvos terão que receber o aval do novo técnico, Domenec Torrent e sua comissão técnica.

Deixe seu comentário