Grêmio negocia com o lateral Jorge, ex-Flamengo e Santos

0

Em busca de um novo lateral-esquerdo, o Grêmio iniciou negociações com Jorge, ex-Flamengo e Santos e que pertence ao Monaco, da França. Depois de ser surpreendido pelo Atlético de Madrid que pediu retorno de Caio Henrique, o Tricolor Gaúcho se movimenta no mercado para repor a saída, tentar um empréstimo com opção de compra seria viável.

Revelado pelo Flamengo, Jorge teve uma passagem no Santos de Jorge Sampaoli em 2019, por empréstimo e se destacou. A ideia do Grêmio seria tentar convencer o clube francês de emprestá-lo novamente, desde que deixou o Peixe e retornou á França o lateral-esquerdo, de 24 anos, entrou em campo em duas partidas, com poucas chances pode sair de novo.

Jorge chegou ao time profissional do Flamengo em 2015, se destacando bem, e chamando atenção de clubes europeus, no incio de 2017, o lateral foi negociado com o Mônaco por indicação do ex-jogador Deco, o empresário português Jorge Mendes que intermediou o negócio. Hoje está avaliado em 3,2 milhões de euros, algo em torno dos R$ 18 milhões.

Na temporada 2019 vestindo a camisa do Santos, Jorge disputou 35 jogos, marcou dois gols e deu várias assistências, tendo bom desempenho no Brasileirão. O jogador chegou a ser convocado por Tite para a Seleção Brasileira, o técnico elogiou por várias vezes esse desempenho do lateral. Sem sequencia de partidas no Monaco, o defensor pode ser de novo emprestado, e o futebol brasileiro é uma das opções analisadas.

O Grêmio busca um reforço para chegar e assumir a titularidade

Enquanto buscar um reforço no mercado, o Grêmio tem o experiente Burno Cortez como titular novamente da lateral-esquerda, do time comandado por Renato Portaluppi. O lateral vinha sendo o dono da posição desde a conquista da Copa Libertadores, em 2017, mas na última temporada começou a cair de rendimento e ser criticado, principalmente pela torcida do Tricolor gaúcho, nesse ano foi para o banco assim que Caio Henrique chegou ao clube.

Deixe seu comentário