Lucas Torreira, do Atlético de Madrid, foi sondado por clubes do Brasil

0

Desejando voltar ao futebol sul-americano, o uruguaio Lucas Torreira é alvo do Boca Juniors e também foi procurado por clubes do Brasil. O meio-campista de 25 anos perdeu recentemente a mãe, que faleceu devido complicações causadas pela Covid-19, o volante já disse que deseja deixar o Atlético de Madrid para ficar mais próximo de sua família.

O pai de Lucas Torreira confirmou o desejo do volante em voltar ao futebol sul-americano e que já houve procura de dois clubes no futebol brasileiro, sem citar o nome das equipes. A expectativa é que caso não chegue a um acordo com o Boca Juniors, o destino do jogador seja o Brasil, uma volta para atuar de novo em seu país é descartada nesse momento.

Lucas Torreira está com os dias contados no Atlético de Madrid, e não deseja retornar ao Arsenal, clube dono dos seus direitos econômicos. Em entrevista recente o jogador disse que que não quer mais atuar no futebol europeu, quer dar um novo rumo para a carreira e nesse momento voltar a América do Sul e ficar mais próximo de sua família é a prioridade.

Emprestado ao Atlético de Madrid desde o inicio da atual temporada, Lucas Torreira tem contrato com o Arsenal até 2023, e deve conseguir uma rescisão de contrato. Oficialmente no momento, o Boca Juniors já sinalizou o desejo de contar com o volante uruguaio a partir de junho, a negociação é inicial, mas as partes ainda estão longe de um acordo financeiro, com isso jogar no Brasil começa a surgir como uma possibilidade para o atleta.

Lucas Torreira foi destaque do Uruguai na Copa do Mundo de 2018

Torreira foi revelado nas categorias de base Montevideo Wanderers, do Uruguai, ainda bem jovem se transferiu para o Pescara, da Itália, em 2016 foi para a Sampdoria, onde teve um grande destaque. O melhor momento foi pela Seleção Uruguaia sendo destaque na Copa da Rússia de 2018, o que rendeu uma transferência ao Arsenal, onde disputou 89 partidas e marcadou  quatro gols pelo clube inglês, sendo empresado esse ano ao Atlético de Madrid.

 

Deixe seu comentário