Palmeiras tenta superar italianos e fechar com Ignacio Ramírez

0

O Palmeiras está negociando a contratação de Ignacio Ramírez, atacante de 23 anos que é destaque do Liverpool, do Uruguai. O centroavante foi artilheiro do campeonato uruguaio na última temporada, e esteve na mira do Internacional recentemente, agora o Verdão foi interessado que buscou informações do jogador e deve fazer uma proposta oficial.

O presidente do Palmeiras, Maurício Galiotte, teria sido informado que existe a concorrência de clubes da Itália, que já teriam formalizado propostas oficiais pelo atacante de 23 anos, destaque no Uruguai. A ideia do alviverde é tentar superar os outros interessados e fechar com o reforço na próxima janela de transferências internacional, que se abre em junho.

Na última temporada uruguaia Ignacio Ramírez disputou 34 jogos e marcou 23 gols, sendo lembrando por aqui por ter sido carrasco do Bahia na Copa Sul-Americana de 2019, na qual marcou o gol que eliminou os baianos. O valor de mercado é de cerca de 1,20 milhão de euros, algo em torno dos 5 milhões de reais, quantia que o Palmeiras topa desembolsar.

Além de Ignacio Ramírez, o Palmeiras monitora outros nomes no futebol sul-americano, e essa estratégia deve ser usada como uma das armas para largar à frente dos adversários no mercado. Um reforço que veio desse monitoramento é o lateral-esquerdo Matías Vinã, ex-Nacional, do Uruguai, considerado grande promessa uruguaia e deve brigar por uma vaga no time titular, além de poder render em uma venda futura.

A lateral-direita alviverde também deve ter um reforço sul-americano

Outra posição que pode ter um reforço sul-americano no Palmeiras é a lateral-direita, para a posição o nome da ver é o de Fabricio Bustos, do Independiente, da Argentina. Segundo a imprensa argentina o a diretoria do Verdão prepara uma proposta pelo jogador que seria um pedido do técnico Vanderlei Luxemburgo, que conta com Marcos Rocha e Mayke, para o setor, mas ambos laterais vem tendo problemas físicos desde a temporada passada.

Deixe seu comentário