Reserva no Galo, Sasha é procurado por Bahia, Fluminense e São Paulo

0

Reserva no Atlético-MG de Cuca, o meia-atacante Eduardo Sasha foi procurado nos últimos dias por Bahia, Fluminense e São Paulo. O jogador ainda se encontra bem valorizado no mercado e por isso desperta interesse de clubes da Serie A, as primeiras sondagens foram de um proposta por um empréstimo até o final do ano, com a opção de compra fixada.

Eduardo Sasha tem contrato com o Atlético até junho de 2024, mas vem sofrendo com a concorrência e é considerado reserva do time comandado pelo técnico Cuca. Atualmente o técnico tem além do meia-atacante para o ataque Savarino, Hulk, Marrony, Keno, Eduardo Vargas, Savinho e Calebe, ou seja o setor vem tendo forte concorrência no elenco do Galo.

A diretoria do Galo respondeu de inicio que não possui interesse em emprestar Sasha, mas que no caso de propostas de venda vai aceitar ouvir. Caso não haja proposta conforme o desejado, a diretoria planeja mantê-lo no elenco, já que a temporada será desgastante e o atacante poderia ter mais oportunidades nesse segundo semestre, mas a saída é possível.

Bahia, Fluminense e São Paulo também já foram informados que o Atlético Mineiro deseja receber 1.5 milhão de euros, algo em torno dos R$ 9,5 milhões, para vender o atacante. O valor foi pago para trazer Eduardo Sasha do Santos, em 2020, como um pedido do então técnico Jorge Sampaoli, há quem afirme que o fato do jogador praticamente forçado uma saída da Vila Belmiro, atrapalha a relação com Cuca, que era treinador do Peixe.

Sasha também estaria na mira de um clube do futebol mexicano

Além dos três clubes do Brasileirão Serie A, o Deportivo Irapuato, do México, também teria sondando Eduardo Sasha, que não descarta se aventurar no futebol mexicano, mas prioriza de momento permanecer no Brasil. Oficialmente procurada a diretoria atleticana não tem confirmado negociações envolvendo o meia-atacante de 29 anos, mas nos bastidores os contatos recentes são confirmados, e existe sim a possibilidade da saída do jogador.

Deixe seu comentário