Pelé reconhece recorde de gols de Cristiano Ronaldo, que agradece mais tarde: “Admiração eterna”

0

Cristiano Ronaldo e Pelé | Foto: Joe Klamar/AFP/Getty Images

Com o hat-trick marcado na partida contra o Cagliari, válido pelo Campeonato Italiano, Cristiano Ronaldo superou a lenda do futebol, Pelé, e agora é o jogador com mais gols em partidas oficiais na história do esporte. O gajo alcançou a incrível quantia de 770 tentos anotados, enquanto o brasileiro marcou 767 vezes, segundo o RSSSF, site especializado no ramo de estatísticas.

O “Rei do Futebol” após ter sua marca quebrada não poupou elogios ao português. Pelé relatou que a carreira de CR7 é incrível, que ele o admira e ama vê-lo jogar, e que seu único arrependimento neste momento é não poder dar um abraço no jogador neste momento. A postagem do Rei termina com uma foto, em que Pelé entrega o prêmio de Melhor Jogador do Mundo a Cristiano.

Através das redes sociais, o craque da Juventus de Turim e seleção portuguesa teceu elogios à lenda brasileira, e relatou o porquê de ter demorado para se manifestar sobre o recorde alcançado. Cristiano Ronaldo afirmou em postagem no Twitter: “Minha admiração eterna e incondicional pelo senhor Edson Arantes do Nascimento, assim como o respeito que tenho pelo futebol de meados do século 20, me levou a considerar sua marca de 767, assumindo seus nove gols pela Seleção Paulista, assim como seu único gol pela Seleção Militar Brasileira, como gols oficiais. O mundo mudou desde então, e o futebol também mudou, mas isso não significa que podemos simplesmente apagar a história de acordo com os nossos interesses. Hoje, ao atingir o 770º gol na minha carreira profissional, as minhas primeiras palavras vão direto para Pelé. Não há jogador no mundo que não tenha sido criado ouvindo histórias sobre seus jogos, seus gols e suas conquistas, e eu não sou exceção. E por esse motivo, fico muito feliz e orgulhoso ao reconhecer o gol que me colocou no topo da lista de artilheiros do mundo, superando o recorde de Pelé, algo que eu nunca poderia ter sonhado enquanto era criança”.

Crise após eliminação da Liga dos Campeões

 CR7 alcançou a marca de maior artilheiro do futebol na partida após a eliminação da Juventus da Liga dos Campeões. A eliminação do torneio mais importante da Europa fez com que o português passasse a ser bastante criticado por conta da sua atuação apagada no jogo contra o Porto, e já tem se especulado a possível saída do jogador da Vecchia Senhora.  Com isso, algumas equipes podem ser o destino do artilheiro caso a Juventus resolva vendê-lo, dentre os mais cotados estão o Real Madrid, Manchester United e Paris Saint-Germain. Mas, enquanto isso não acontece, Cristiano Ronaldo está focado no Campeonato Italiano, já que o torneio está sendo disputado como não se via há anos, deixando os melhores sites de apostas movimentados de pessoas palpitando em quem será o campeão. A  Juventus ainda tem chances de levar o título para casa e manter a tradição de anos anteriores – porém, a tarefa não é nada fácil, já que o time está 10 pontos atrás da Internazionale de Milão, a líder e favorita para ganhar o torneio nesta temporada.

A polémica dos gols não oficiais

 Há uma grande polémica sobre esse assunto de maior artilheiro da história, e para esclarecê-la é necessária uma contextualização histórica. Sabemos que o futebol de meados do século passado era bastante diferente do atual, e que os jogos amistosos tinham um peso completamente diferente. O Santos, clube pelo qual Pelé dedicou a maior parte da sua carreira, é um defensor ferrenho de que os gols feitos pela lenda durantes os amistosos que o clube realizava ao redor do mundo deveriam ser contabilizados – já que o Rei marcou contra grandes times do futebol mundial nesses jogos, como Real Madrid e Barcelona, e essas partidas tinham o aval das federações regionais e nacionais.

Levando em consideração os gols feitos em jogos oficiais e não oficiais, Pelé atinge uma marca muito superior à de Cristiano Ronaldo, chegando aos 1283 gols. E a lista de brasileiros que ultrapassaram a marca do milésimo gol não para no Rei: Romário possui 1002 e Túlio Maravilha também alega ter chegado ao número mágico.

Deixe seu comentário